Para que serve o chefe?

Claudio de Moura Castro , um especialista em educação, durante entrevista concedida ontem a Rádio CBN, fez uma afirmação interessante: a solução para o problema de educação no Brasil é local. São professores, alunos e a comunidade em torno da escola que vão melhorar a qualidade do ensino.

Isto nos leva a uma discussão interessante. Não é a qualidade técnica do ministro da Educação que melhora o processo, é a execução bem feita do processo pedagógico na sala de aula que obtém melhores resultados.

Se analisarmos isto, veremos que isto ocorre em todas as empresas. A qualidade do presidente da empresa, normalmente muito bem pago, é muito importante. Mas é na linha de frente, produção, logística, vendas, que a guerra acontece. São os soldados que olham nos olhos do inimigo, do concorrente, e sobretudo do cliente.

Mas então, qual é o verdadeiro papel do chefe?

A idéia deste post é mostrar que o chefe tem missões bem mais importantes que eles normalmente não executam:

1 – recrutar – muitos chefes entregam o trabalho de recrutamento ao pessoal de RH ou a consultorias externas e só tomam conhecimento do processo quando o funcionário já foi contratado. Recrutar bem seus gerentes e colaboradores economiza custos de treinamento, prejuízos e dá ao cliente o melhor atendimento possível.

2 – treinar – é muito comum encontrar vendedores que não sabem detalhes importantes dos produtos que estão vendendo. Não conhecem os produtos da concorrência. Não explicam nada ao cliente e ainda acham que fazem um bom trabalho. A culpa não é exclusivamente do funcionário. Ele não sabe porque o chefe não o treinou. E se não treinou, não terá o serviço e nem os resultados que deseja.

3 – capacitar – mais completo ainda do que treinar. Capacitar é fornecer os meios necessários para que as pessoas possam ser capazes de executar o que desejam. Um médico sem remédios, um policial com um revólver 38 na mão, um vendedor sem amostras, um industriário sem equipamentos de proteção, nada disto pode resolver o problema.

4 – motivar – na minha opinião, a maior tarefa do chefe. Compartilhar a orientação estratégica, dar o foco, explicar o objetivo do serviço, mostrar comprometimento, acompanhar as ações, mostrar a alegria de vencer desafios, comemorar bons resultados. Uma equipe motivada é boa parte do que o chefe precisa para atingir seus objetivos,

Portanto, se você é chefe, ou for convidado para uma função de chefia, deixe seus funcionários executar suas tarefas, sem ficar azucrinando-os. Cuide do seu serviço, recrute bem, treine adequadamente, forneça os meios e motive seu pessoal.

Você vai ver que o sucesso vai te surpreender.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: